top of page

PANCs no Jardim, na mesa e na sua parede

Atualizado: 20 de abr. de 2023

Plantas Alimentícias não Convencionais


Elas fazem a base de uma agricultura orgânica sustentável de cada região onde nascem espontaneamente ou são cultivadas. São altamente nutritivas e cada vez mais conquistam espaço na culinária brasileira. Confira o artigo do paisagista André Cenak sobre as PANCs e apaixone-se por elas.

Olá, amigos, tudo bem? Falaremos hoje sobre as PANCs “Plantas Alimentícias Não Convencionais”. Essa sigla (PANC) significa que são plantas comestíveis que, por algum motivo, caíram no esquecimento coletivo e não são produzidas em larga escala, como as Plantas Alimentícias Convencionais.

Neste texto, vamos falar de algumas delas, que podem decorar o seu jardim e também suas refeições. Gostou do tema? Ficou curioso? Então, vamos ao texto conferir a relação de plantas que separei para vocês!


CAPUCHINHA


MAJOR GOMES



Algumas PANCs são consideradas matos que nascem espontaneamente em nosso jardim ou horta e, por falta de conhecimento, arrancamos e descartamos em nossa rotina de limpeza e manutenção.

O objetivo desse texto é estimular a sua curiosidade sobre o tema e a partir desse primeiro contato, você pode pesquisar e se aprofundar sobre essa rica biodiversidade que existe no seu quintal.

Tenho certeza de que aos poucos você vai se sentir mais confiante para incorporar essas plantinhas em sua alimentação.


SEGUINDO A TENDÊNCIA URBAN JUNGLE, O ALECRIM É UM PANC É UMA ÓTIMA OPÇÃO DECORATIVA PARA COZINHAS E ÁREAS GOURMET VEJA MAIS EM NOSSA COLEÇÃO FLORA

É bom lembrar que um planta não convencional em uma região pode ser convencional em outra. Cada região tem sua cultura e tradição. Existem também partes comestíveis não convencionais de plantas convencionais.

Por exemplo, todos nós comemos batata doce, mas comer as folhas da batata doce é uma novidade para muita gente, concorda?

A abóbora também é familiar em nossa culinária, mas as flores e brotos da abóbora, poucas pessoas já comeram. E são deliciosas!

Você já experimentou as castanhas feitas a partir dos caroços da jaca?



É muito comum utilizarmos uma parte da planta e outras descartarmos por pura desinformação de como preparar. Lembra do miolo do abacaxi? Já comeu?

Outra vantagem das PANCs é sua resistência às pragas, seca e doenças, por isso são, em sua grande maioria, orgânicas, não necessitando de defensivos e fertilizantes agrícolas.

PEIXINHO


Conheça algumas PANCs

Estima-se que existam mais de 10.000 plantas com potencial alimentício, separei algumas que utilizo no meu dia a dia e outras que consegui identificar facilmente no meu jardim. São elas: Capuchinha Suas flores coloridas, folhas e sementes são comestíveis. Major Gomes Suas folhas são usadas em saladas cozidas ou refogadas, é rica em magnésio e proteínas. Nopal É um cacto comestível. Batida com limão e capim santo dá um suco verde cremoso e refrescante. Peixinho Também chamada por Orelha de coelho, essa folha peludinha é consumida empanada e frita como se fosse um peixe frito. Lírio amarelo As flores são perfumadas e comestíveis cruas ou cozidas, os rizomas são pequenos, brancos e crocantes e cozidos lembram o sabor do milho verde. Lírio do Brejo As flores brancas são comestíveis e o seu rizoma, parente do gengibre são bem aromáticos. A chef Helena Rizzo usa a infusão de lírio do brejo em suas receitas.

Podemos consumir também as flores do ipê, maria-sem-vergonha, Begônia Asa de Dragão, Hibisco, Gerânio, Rosas, Flor de laranjeira, etc, etc, etc.

É importante salientar que existem muitas flores tóxicas e, por isso, devemos pesquisar bem antes de qualquer ingestão.

NOPAL


Você também ficou surpreso com essa diversidade alimentar que tem no seu jardim? Então, não tem desculpa, bora experimentar os diversos aromas, sabores de texturas que as flores podem nos proporcionar. Escolha sua flor favorita, pesquise no Google se ela é tóxica ou comestível, procure uma receita legal e vamos pra cozinha preparar uma comida diferente.

Grande abraço,

Por ANDRÉ CENAK I Paisagista Olá, eu sou André Cenak, Paisagista, proprietário do Jardim Salvaterra Paisagismo e escritor aqui na Art Wall. Hoje continuamos a nossa conversa porém sobre como manter seu jardim bem cuidado em épocas de sol.


Os artigos publicados neste blog expõem o pensamento de seus autores sobre um determinado tema de interesse público, sendo da responsabilidade de cada autor o conteúdo aqui veiculado.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Assine nossa Newsletter

Receba em seu email dicas de arte e de bem estar para o seu lar

Email enviado!

bottom of page