top of page

Incluindo árvores frutíferas em nossos jardins


Olá, amigos, tudo bem? No texto de hoje, complementando o conteúdo anterior, falaremos sobre a inclusão das árvores frutíferas em nossos jardins. Gostou do tema? Ficou curioso? Então, vamos ao texto conferir o que as árvores frutíferas têm de especial.





Recentemente postei nas redes sociais uma foto de minha esposa segurando um enorme cacho de bananas, colhido, aqui, no jardim de casa. Uma delícia, sem agrotóxico nenhum, uma verdadeira maravilha da natureza. A colheita foi tão grande, que distribuímos para toda a família e também para os passarinhos que transitam pela área diariamente.





Apesar de a bananeira não ser uma árvore, incluímos algumas dessas herbáceas em nosso jardim, sem nenhum prejuízo estético ao paisagismo de toda a área. Bem cuidadas, elas se tornam muito ornamentais.

Por aqui também temos frutíferas de vários portes e tamanhos. Percebemos ao longo desses vários anos que, com o manejo adequado e algumas podas educativas, é possível consorciar plantas ornamentais com as árvores frutíferas.


Mantendo tudo em harmonia, haverá mais beleza e movimento de pássaros e outros animais silvestres em nosso micro ecossistema. Não é necessário separar o pomar do jardim. O ideal é, de fato, a integração desses reinos vegetais. Passo a citar algumas das minhas preferidas: mangueira, jabuticabeira, abacateiro, acerola, uvaia, amora, limão, mexerica, laranja, banana, pitanga e nêspera. Lembrando que existem variedades de cada fruta. Por exemplo: limão taiti, limão cravo, limão siciliano, laranja serra d´água, laranja seleta, laranja lima, etc. Então, escolha direitinho as suas porque todas vão preencher um determinado espaço do seu jardim...


O importante é entender que cada árvore vai ocupar um espaço aéreo de copa e um espaço abaixo do solo com suas raízes. Então podemos plantar os cítricos de pequeno porte ao lado e abaixo das copas das árvores de grande porte, como as mangueiras ou abacateiros.


Pitangueiras, amoras e uvaias podem receber podas em seus galhos, para que fiquem mais baixas e consigamos colher belos frutos sem que ocupem grandes áreas do jardim.

Outra dica importante é espalhar as árvores pelo terreno, não agrupe muito. Precisamos de áreas ensolaradas para os gramados e espécies de pleno sol, áreas de meia sombra para as espécies de meia sombra e áreas de sombra para as espécies de sombra. Cada um no seu quadrado! Assim, teremos um jardim bem diversificado, variando as cores, formatos e texturas.





Com o passar do tempo, as árvores vão crescer e as podas educativas serão necessárias. Essas podas são fundamentais para manter o nível de luminosidade ideal de cada área.

Se deixarmos as árvores crescerem livremente sem essas podas, as copas das árvores ficarão muito densas, impedindo a chegada de luz nos gramados e demais plantas do jardim.


Fique atento e observe o seu gramado, pois ele é um ótimo indicador de luminosidade. Se ele começar a ficar com falhas e cheio de trevinhos é porque está na hora de fazer as podas das copas das árvores e retirar alguns galhos. As copas devem ficar mais arejadas, permitindo assim a entrada de luz por entre os galhos que não foram podados. Assim o seu jardim receberá a luminosidade ideal para continuar saudável.

Todos nós queremos sombra e água fresca, inclusive as plantas, porém, o excesso pode adoecer e matar as suas plantas.


Não tenha medo de podar suas árvores, elas sempre se renovam e ficam mais fortes a cada poda.

Se você precisar de ajuda para ajustar a luminosidade do seu jardim e transformá-lo num verdadeiro paraíso repleto de frutas, pássaros e flores, entre em contato conosco, teremos o maior prazer em te ajudar.


Grande abraço,

André Cenak




Olá, eu sou André Cenak, Paisagista, proprietário do Jardim Salvaterra Paisagismo e escritor aqui na Art Wall.

Os artigos publicados neste blog expõem o pensamento de seus autores sobre um determinado tema de interesse público, sendo da responsabilidade de cada autor o conteúdo aqui veiculado.

41 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Assine nossa Newsletter

Receba em seu email dicas de arte e de bem estar para o seu lar

Email enviado!

bottom of page