top of page

Foi Quase um Sussurro: Memórias em Imagens, Fios e Argila

Atualizado: 16 de out. de 2023



Exposição de arte Memórias em Imagens, Fios e Argila





Às vezes, a vida nos brinda com momentos que transcendem a rotina e nos permitem tocar a essência da existência. Quando a Gabriela Machado e eu nos juntamos à talentosa Adriana Lopes para criar a exposição "Foi Quase um Sussurro: Memórias em Imagens, Fios e Argila", mal sabíamos que estávamos prestes a embarcar em uma jornada emocional que nos levaria de volta ao passado e nos projetaria para o futuro.


O título da exposição, "Foi Quase um Sussurro", foi a nossa proposta de capturar a delicadeza da memória. Como artistas, sempre fomos fascinadas pela maneira como as lembranças se desvanecem como sussurros no vento. A efemeridade desses momentos é o que nos motiva a criar, a capturá-los antes que desapareçam para sempre.


Assim nasceu a exposição de arte reunindo memórias em Imagens, fios e argila. Nossa exposição mergulha profundamente na interseção entre a memória e a imagem, um lugar onde a realidade se encontra com a eternidade. A jornada começa com as fotografias que capturo, cenas cotidianas e paisagens urbanas das cidades mineiras que tanto significado têm para nós. Mas, para nós, as imagens não são o fim, são o começo de algo mais profundo.




Bordado, Fotografia e Cerâmica

O trabalho de Gabriela Machado entra em cena, transformando as imagens em algo novo e fascinante. Seus bordados meticulosos acrescentam camadas de textura e significado às fotografias, criando uma ponte entre o passado e o presente. Cada ponto, cada linha, é uma narrativa em si, uma história que se entrelaça com a imagem original.


E então, Adriana Lopes, com suas habilidades em cerâmica, completa o ciclo de transformação das memórias. Suas peças cerâmicas adicionam uma dimensão tridimensional às imagens, convidando o público a explorar nossas obras a partir de novas perspectivas. A argila é a resistência da memória em face do tempo, a maneira como nossa história se mantém sólida, apesar dos ventos do esquecimento.





Mas o que mais me emociona nessa exposição é a sinestesia que ocorre entre a fotografia, o bordado e a argila. O tato e a visão se fundem em uma experiência única, onde a imagem fotográfica é reinterpretada repetidamente, criando múltiplas camadas de significado e emoção. É uma experiência que nos convida a explorar nossas próprias memórias, a nos reconectar com as emoções e sentimentos que moldam quem somos.


"Foi Quase um Sussurro: Memórias em Imagens, Fios e Argila" é, para nós, uma celebração das lembranças e um tributo às cidades mineiras que tanto amamos. Convidamos todos a nos acompanhar nessa jornada sinestésica e explorar as profundezas de suas próprias memórias. Os quadros já estão disponíveis para venda aqui no nosso site.


A exposição física pode ser visitada até o dia 21 de outubro no Atelier Adriana Lopes, na Rua Sampaio, 36 - 46 – Granbery, Juiz de Fora.



Por Malu Machado Cofundadora da Art Wall Quadros, jornalista e fotógrafa.

39 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Assine nossa Newsletter

Receba em seu email dicas de arte e de bem estar para o seu lar

Email enviado!

bottom of page